SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

Aprenda a acumular milhas >FAZER O CURSO!
Domingo, 25 de fevereiro de 2024

COLUNISTAS

Denis Luciano

Cartaz do aborto: clima esquentou na Câmara

09/05/2023 21h30 | Atualizada em 10/05/2023 00h38 | Por: Denis Luciano
Manifestantes contra o projeto do vereador Obadias / Foto: Giovane Marcelino

Fazia tempo que um debate tão tenso (e intenso) não dominava o ambiente no plenário da Câmara de Criciúma. A polêmica girou em torno do projeto do vereador Obadias Benones (Avante) que prevê a fixação de cartazes em Unidades Básicas de Saúde (UBS) com os dizeres "Aborto é crime".

A pauta mobilizou, por sua natureza, movimentos de mulheres que se aglomeraram na galeria para protestar. Lá estiveram representantes de conselhos municipais. "Esses cartazes serão agressões às mulheres vítimas de violência e que hoje são amparadas por lei para abortar", sentenciou a vereadora Giovana Mondardo (PCdoB).

"A ideia não é colocar um banner para amedrontar as pessoas", justificou Obadias. "Vamos enaltecer a vida em primeiro lugar. Se a frase proposta é pesada, mas é crime mesmo, assassinar criança é cometer crime", emendou. "Se a expressão 'Aborto é crime' é uma violência à mulher, existem políticas públicas para curar os traumas da mulher", sublinhou.

Giovana acusou Obadias de "usar a tribuna como se fosse púlpito de igreja". O vereador Pastor Jair Alexandre (PL) divergiu disso mas, na essência, discordou também da ideia de Obadias por "considerar pesado o conteúdo do cartaz proposto". Júlio Kaminski (PP) foi na mesma linha e abriu os votos dos três vereadores do PP contra o projeto, mesma postura de Toninho da Figueira (PSDB).

Na iminência de ser derrotado em plenário, Obadias atendeu à sugestão do vereador Nícola Martins (PSDB), de pedir adiamento da votação e preparar um substitutivo ao projeto, flexibilizando o conteúdo.

Em seguida, a sessão foi encerrada e, então, veio um incidente: o bate-boca entre a veredora Giovana e o vereador Juarez de Jesus (PSD). Giovana dirigiu-se ao colega Obadias para ponderar a razão de ele manter o projeto mesmo diante de tanto impasse, no que foi indagada por Juarez. A partir dali, houve a discussão e até sobrou palavrão no ar. O presidente, vereador Salésio Lima (PSD), testemunhou o incidente e avalia até a possibilidade de levar a briga à Comissão de Ética.

Contaremos mais nesta quarta, a partir das 6h30min, no Em Dia com a Cidade, na Cidade em Dia.

Denis Luciano

Denis Luciano

Denis Luciano é jornalista e radialista com 28 anos de experiência em rádio, TV, jornal e web em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além de professor universitário. Apresentador e coordenador da Rádio Cidade em Dia.

Opiniões do colunista não representam necessariamente o portal SCTODODIA.com.br

VER COLUNAS
SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.