Sábado, 25 de maio de 2024

COLUNISTAS

Denis Luciano

Salvaro compra pavilhão da Cecrisa e trata de remoção de fios

21/11/2023 18h35 | Por: Denis Luciano
Salvaro com o presidente Tarcísio Rosa, na Celesc / Divulgação

Em agenda na tarde desta terça-feira (21) na Celesc, em Florianópolis, o prefeito Clésio Salvaro (PSD) conseguiu garantir duas boas novas para Criciúma: a compra dos antigos pavilhões da Cecrisa e uma operação varredura na quantidade de fios acumulados em postes, para um posterior programa de expansão da rede de fiação subterrânea.

"Estive com o presidente Tarcisio e toda a diretoria. Tratamos do pavilhão da Cecrisa, fizemos uma proposta de R$ 9,7 milhões, a Celesc aceitou, ali vamos colocar várias empresas de tecnologia", confirmou Salvaro. No último dia 15, em vistoria no local, ele mostrou as precárias condições da região onde estão os pavilhões deteriorados, no Bairro Nossa Senhora da Salete.

Salvaro deu detalhes da questão dos fios nos postes também. "Aquela vergonha, aquela montoeira de fios nos postes, a Celesc estará em Criciúma na próxima quinta-feira, vamos avaliar isso, fazer limpeza nos postes e colocar mais fiação subterrânea", destacou. Atualmente, e feito no primeiro governo Salvaro, Criciúma tem fiação subterrânea na Praça Nereu Ramos e parte da Rua Henrique Lage.

Depois da agenda em Florianópolis, Salvaro está a caminho de Brasília onde tratará de recursos para projetos nesta quarta-feira.

Denis Luciano

Denis Luciano

Denis Luciano é jornalista e radialista com 28 anos de experiência em rádio, TV, jornal e web em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além de professor universitário. Apresentador e coordenador da Rádio Cidade em Dia.

Opiniões do colunista não representam necessariamente o portal SCTODODIA.com.br

VER COLUNAS
SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.