Quinta-feira, 20 de junho de 2024

COLUNISTAS

Denis Luciano

Salvaro vai ao Exército pedir casas da Praça do Congresso

22/01/2024 15h42 | Por: Denis Luciano
Prefeito e autoridades no Comando Militar do Sul / Divulgação

Clésio Salvaro (PSD) deu mais um passo para criar a Vila das Etnias. Nesta segunda-feira, o prefeito foi até o Comando Militar do Sul, em Porto Alegre, e formalizou o pedido de cedência ao Município de oito imóveis que são ocupados pelo Exército Brasileiro nas ruas Barão do Rio Branco e Engenheiro Fiúza da Rocha, no entorno da Praça do Congresso.

O pedido foi feito ao general de brigada José Luiz Araújo dos Santos. Salvaro reforçou a relevância histórica dos imóveis para a cidade. Em resposta, o general se comprometeu em encaminhar o pedido à Secretaria de Patrimônio da União (SPU), que é responsável pela gestão dos patrimônios do Governo Federal.

Conforme explanou o prefeito, a intenção é dotar cada uma das sete etnias colonizadoras de Criciúma de uma casa para abrigar o grupo étnico, suas atividades culturais e gastronômicas, fazendo a Festa das Etnias acontecer na Praça do Congresso no futuro. 

Integraram a comitiva com o prefeito na capital gaúcha o presidente da Fundação Cultural de Criciúma (FCC), Marcos Mendonça; o presidente da Associação Empresarial de Criciúma (Acic), Valcir Zanette; e o pró-reitor da Satc, professor Luciano Biléssimo.

 

Denis Luciano

Denis Luciano

Denis Luciano é jornalista e radialista com 28 anos de experiência em rádio, TV, jornal e web em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além de professor universitário. Apresentador e coordenador da Rádio Cidade em Dia.

Opiniões do colunista não representam necessariamente o portal SCTODODIA.com.br

VER COLUNAS
SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.