SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

A concorrência cresce no digital e sua empresa não tem presença online?EVOLUA!
Segunda-feira, 04 de julho de 2022

COLUNISTAS

Eduardo Mota Pereira

Por que sou pessimista?

22/01/2022 08h00 | Atualizada em 18/02/2022 18h20 | Por: Eduardo Mota Pereira
Imagem: Pexels

Quem acompanha minha coluna aqui no Portal SC Todo Dia e leu meu último texto, deve ter notado um certo teor “pessimista” na forma como eu vislumbro o mundo e a sociedade. No artigo em questão, eu pontuei que pessoas que têm um desejo de mudar radicalmente as coisas, buscando uma sociedade perfeita, sem quaisquer problemas, possuem, na verdade, uma sanha autoritária por querer “governar” as pessoas, e moldarem tudo e todos de acordo com suas visões “polianas” de mundo perfeito. Na história, podemos perceber que movimentos que tinham essa característica culminaram em governos totalitários, e em alguns casos, genocidas.

Mas então, devemos aceitar a existência dos problemas e não buscar soluções para resolvê-los? Não, lógico que não. Contudo, na medida em que resolvemos determinados problemas, novas situações surgem e exigem tempo, trabalho e foco para resolvermos. A humanidade evolui a partir dessas condições.

Querem um exemplo? Os avanços na medicina possibilitaram uma melhoria na expectativa de vida. Porém, como as pessoas estão vivendo mais, os governos ao redor do mundo estão tendo que lidar com outra questão que surgiu a partir do fato da humanidade ter se tornado mais longeva: a previdência. Como garantir uma aposentadoria saudável e segura para essas pessoas que, agora, estão vivendo mais do que 80 anos? (E que em breve passarão dos 100, tranquilamente).

Estou usando esse exemplo para demonstrar o porquê não devemos acreditar em ideias que promovam uma mudança total da política, cultura e das instituições de determinado povo. O pessimismo ao qual me refiro aqui é, basicamente, o ceticismo em relação à capacidade de seres humanos, que são suscetíveis a erros, resolverem todos os problemas de um mundo que é imperfeito. O pessimista é aquele que aponta os equívocos de alguma teoria, enquanto todos estão eufóricos pela mudança, pela revolução e por um mundo cor-de-rosa, mas não percebem a armadilha em que estão caindo.

Para quem deseja se aprofundar mais no assunto e entender esse ponto de vista, recomendo o livro “As Vantagens do Pessimismo”, do escritor e filósofo britânico Roger Scruton, como sugestão de leitura.

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.