SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

Invista no posicionamento digital da sua empresa com o Estúdio SContime!CLIQUE AQUI
Segunda-feira, 23 de maio de 2022

COLUNISTAS

Eduardo Ventura

Presidente Rubinho participa de eleição para novo presidente da CBF

24/03/2022 09h10 | Atualizada em 24/03/2022 17h05 | Por: Eduardo Ventura
Fernando Sarney, Reinaldo Carneiro Bastos, Hélio Cury, Antônio Aquino Lopes, Ednaldo Rodrigues, Marcus Vicente, Roberto Góes, Francisco Noveletto e Rubens Lopes. Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Ednaldo Rodrigues é o novo presidente da CBF (centro da foto). O dirigente foi eleito ontem, por unanimidade, entre os presentes na votação, que contou com participação das federações estaduais e dos clubes das séries A e B do Brasileirão. 

Ele comandará a gestão da entidade pelo quadriênio de 2022 a 2026. Momentos após a confirmação do resultado, na Casa do Futebol Brasileiro, Ednaldo Rodrigues tomou posse como presidente da CBF, ao lado de seu conselho de administração, que contará com oito vice-presidentes. 

São eles: Fernando Sarney, Reinaldo Carneiro Bastos, Hélio Cury, Antônio Aquino Lopes, Ednaldo Rodrigues, Marcus Vicente, Roberto Góes, Francisco Noveletto e Rubens Lopes. 

Juntos, eles compuseram a chapa “Pacificação e Purificação do Futebol Brasileiro”, que venceu o pleito. 

Quem prestigiou a eleição e a posse foi o presidente da FCF, Rubens Renato Angelotti. Com direito a voto, também participaram e votaram a favor da eleição de Ednaldo Rodrigues, o Avaí Futebol Clube como integrante da Série A, e os clubes da Série B, votaram também, Associação Chapecoense de Futebol, Brusque Futebol Clube e Criciúma Esporte Clube. 

Em entrevista ao portal da CBF, Rubens Angelotti, Presidente da Federação Catarinense de Futebol, avalizou de forma positiva o seu voto a favor de Ednaldo Rodrigues, "É um dia muito importante para o futebol brasileiro. O Ednaldo está no poder interinamente desde agosto, fazendo um bom trabalho junto às federações e aos clubes. A gente espera uma mudança radical do novo presidente. Queremos colocar uma pedra em cima de tudo aquilo que aconteceu no passado da entidade. Que se viva um novo momento no futebol brasileiro com a gestão do Ednaldo, que promete muito para todos”.

Presidente eleito da CBF, Ednaldo Rodrigues e Rubens Renato Angelotti, presidente da FCF. Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

Hoje como primeiro ato já presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, acompanhará a partida da seleção brasileira no estádio do Maracanã, o escrete canarinho enfrentará o Chile em partida válida pela décima sétima rodada das eliminatórias Sul Americanas, a seleção brasileira já está classificada para da Copa do Mundo no Catar, a bola rola a partir das 20h30.
 

publicidade

Biografia do novo presidente da Confederação Brasileira de Futebol - CBF

Ednaldo Rodrigues Gomes é natural de Vitória da Conquista, na Bahia, e tem 68 anos. Formado em Ciências Contábeis, tem especialização nas áreas de Auditoria Financeira e de Gestão Administrativa. 

Sua relação com o futebol começou bem cedo, quando foi jogador de futebol amador nas décadas de 1970 a 1980. Tão logo sua passagem pelos gramados se encerrou, Ednaldo passou a se dedicar à administração esportiva.

Sua primeira experiência foi como Presidente da Liga Conquistense de Desportes Terrestres. No ano de 1992, Ednaldo Rodrigues passou a ser Diretor do Departamento do Interior da Federação Baiana de Futebol (FBF) até o ano 2000. O trabalho o levou à Presidência da FBF, cargo que assumiu em 2001 e para o qual foi reeleito em outras duas oportunidades.

Ednaldo Rodrigues durante discurso de posse como presidente da CBF. Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

A passagem de Ednaldo Rodrigues pela Federação Baiana ficou marcada pela forte defesa dos interesses do futebol baiano e regional, em meio à capacidade de diálogo e de coalizão com as demais federações. Foi um dos maiores defensores da Copa do Nordeste, liderou a reformulação no campeonato estadual da Bahia, além de ter investido no fortalecimento do futebol feminino e nas categorias de base. Ednaldo Rodrigues permaneceu na presidência da federação até 2018, quando passou a ocupar a cadeira de vice-presidente da CBF.

No cargo de vice-presidente da entidade nacional, Ednaldo Rodrigues seguiu trabalhando por um futebol mais justo, principalmente com as regiões que mais precisavam de investimento. Orgulhoso de sua origem nordestina e de ser um dirigente negro, sempre teve sempre atuação destacada na área social por meio de projetos do futebol.

No ano de 2019, ele foi homenageado pela Assembleia Legislativa da Bahia. Ednaldo Rodrigues recebeu dos parlamentares a Comenda Dois de Julho, maior honraria do Legislativo da Bahia, entregue a pessoas que contribuíram com o desenvolvimento do Estado. Ele a recebeu justamente pelos serviços prestados à frente do futebol baiano.
 

OUÇA NOSSAS RÁDIOS

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
48 3045.5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.