SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

Domingo, 24 de outubro de 2021

COLUNISTAS

Matheus Aguiar

As lições da Copa Santa Catarina

13/10/2021 14h16 | Atualizada em 13/10/2021 19h01 | Por: Matheus Aguiar
Foto: Patrícia Amorim/Hercílio Luz

Em 2018 o Hercílio Luz fez uma belíssima campanha na Copa Santa Catarina. Jogou 10 partidas na primeira fase e venceu nove. Só perdeu para o time de garotos do Figueirense, que naquele ano vivia situação melhor e atuava na Série B do Brasileiro. Lembro que o time da Capital deu um show de bola no adversário de Tubarão. No returno, aliás, mesmo vencendo, o Hercílio alcançou um dos resultados mais injustos que já vi em um estádio. Aquele 1x0 nada merecido. Gostei muito do treinador daquele time, Fábio Matias. Foi para o Internacional e hoje está no Flamengo. 

Voltando ao campeonato, a ótima campanha proporcionou uma sequência de sete vitórias seguidas. Além de vencer todas entre a 4ª e 10ª rodada, emendou um resultado excelente, aplicando 1x0 no Tubarão fora de casa no jogo de ida das semifinais. Juliano fez o gol naquele dia. Depois um empate em casa levou o Leão à final. Na decisão foram dois empates contra o Brusque de Pingo: 0x0 fora e 1x1 no Aníbal Costa. Nos pênaltis o time do Vale levou o troféu, erguido em Tubarão.

Relembrar esses momentos é importante para o atual elenco do Hercílio. O time ganhou os quatro jogos que fez na Copa SC. A defesa nem sequer foi vazada. O time está virtualmente classificado às semifinais com três rodadas de antecedência. Ter os pés no chão é fundamental para sonhar com uma vaga na final e, quem sabe, o título. Continuar jogando da mesma maneira e considerar a possível vantagem de dois resultados iguais é importante.

Em 2018 o time decidiu colocar o regulamento embaixo do braço. Jogou para empatar contra o Tubarão em casa e quase perdeu. Na final, após empatar fora, jogou outra vez fechado em casa e quase foi derrotado. Raul Cabral tem a oportunidade de dar ao Hercílio Luz um troféu e levar o clube para a Copa do Brasil do ano que vem. Edson Vieira não conseguiu, deixou o clube e viu o Leão ser rebaixado no estadual do ano seguinte. 

Que o time é melhor em 2021 eu não tenho dúvida. O técnico também. Mas a história mostra: nas semifinais o campeonato muda. E o Hercílio precisa estar pronto desta vez.

publicidade

OUÇA NOSSAS RÁDIOS

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
48 3045.5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.