SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

Aprenda a acumular milhas >FAZER O CURSO!
Sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024
Economia

Com energia cara, fontes renováveis viram alternativas de economia

Em Içara, o Hospital São Donato está prestes a iniciar a operação de uma usina fotovoltaica

Criciúma - SC, 14/12/2021 08h51 | Atualizada em 14/12/2021 14h28 | Por: Eduardo Madeira | Fonte: Rádio Cidade em Dia
Foto: Divulgação

A energia solar fotovoltaica é uma das fontes de energia que mais cresce no mundo, e o Brasil vem subindo junto nesse aspecto. Segundo a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), no mercado mundial, o Brasil era o 26º em 2017. Dois anos depois, já era o 16º. Em 2020, entrou no top-10 nações que mais instalaram energia solar. Com isso, o setor solar trouxe ao Brasil R$ 15,9 bilhões em novos investimentos e mais de 99 mil novos empregos.

Aqui em Santa Catarina, o Instituto para o Desenvolvimento de Energias Alternativas na América Latina (Ideal) tem acompanhado de perto esses dados. A organização não-governamental existe desde 2007 e possui um trabalho voltado à promoção das energias renováveis e limpas, estabelecendo principalmente um vínculo grande com as universidades. O diretor-presidente do Ideal é o engenheiro mecânico Mauro Passos, que destaca como um dos fatores para esse crescimento o fato de a energia solar ser a mais fácil ser aplicada.

“É uma tecnologia já conhecida e que você pode colocá-la praticamente no mesmo lugar onde está o consumo, como no telhado de uma casa, você tem como gerar onde você consome. Isso só a energia solar permite”, afirma Passos.

O mercado também tem entendido assim e os mais recentes leilões apresentaram a energia solar como a mais competitiva. Passos sempre achou mais barato investir nessa modalidade e afirma que essa competitividade se deve a duas questões: as condições de insolação e de ventos.

Dentro deste contexto, Santa Catarina também tem papel de destaque. Na região carbonífera, um dos casos de instituições que decidiram investir em captação de energia fotovoltaica foi o do Hospital São Donato, em Içara. O projeto está avaliado em R$ 1,93 milhão, recebendo o aval do Governo do Estado. O hospital decidiu adotar este sistema por se tratar de uma energia limpa, colaborando com o meio ambiente. Segundo Júlio César De Luca, o projeto está bastante avançado e o sistema deve entrar em operação ainda neste ano.

“Provavelmente, nesta semana, o trabalho estará finalizado para chamarmos a empresa, que fará a vistoria, a gente liga o sistema fotovoltaico, que vai dar ao hospital uma economia de 30% na fatura. Acreditamos que até o fim do ano a Cooperaliança faça a vistoria e estejamos ligados na rede”, conta De Luca.

Ouça abaixo a reportagem completa:

publicidade

 

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.