SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

Aprenda a acumular milhas >FAZER O CURSO!
Quinta-feira, 29 de fevereiro de 2024
Geral

15 de outubro: dia da profissão que forma todas as profissões

Como em todos os anos, o Dia dos Professores, muito mais que uma comemoração, é também um lembrete da importância fundamental da profissão para a sociedade e seus desafios.

15/10/2021 18h25 | Atualizada em 16/10/2021 08h36 | Por: Beatriz Godoy Taveira
Foto: Freepik

Seja da área de humanas, exatas ou biológicas, todos os profissionais de diferentes campos têm algo em comum: foram formados por um professor. O dia dos professores, comemorado neste dia 15 de outubro, reforça a importância da profissão que forma todas as outras. Apesar de seu papel essencial, outras questões também ficam ressaltadas na data como a desvalorização, falta de respeito, reconhecimento e má remuneração que pautas do dia a dia da profissão, não apenas no dia 15.

publicidade

Um levantamento divulgado pela plataforma Catho, aponta que as medias salariais oferecidas aos professores no Brasil variam de R$ 1.700 a R$ 5 mil. Mas muito além da desvalorização financeira, a falta de reconhecimento por uma das profissões mais importantes da sociedade é o que tem, cada vez mais, afastado o interesse de muitas pessoas em seguir carreira como educador. É o que mostrou um relatório divulgado pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), em que aponta que a porcentagem de estudantes que querem ser professores caiu de 5,5% em 2006 para 4,2% em 2015.

Apesar dos inúmeros desafios, ainda há muitos que acreditam no verdadeiro potencial da educação como ferramenta de transformação de mundo e de vidas. Como é o caso da professora Jaine Sabino que, formada em pedagogia, leciona para turmas de terceiro ano do ensino fundamental. Segundo ela, apesar de desanimar da profissão várias vezes, nunca pensou em desistir. “Busco sempre mostrar aos meus alunos que através da educação conseguimos alcançar nossos sonhos de forma digna e justa. Além disso, me motiva a vontade de transformar vidas através do conhecimento”, destaca a professora.

Já Glauco Moretti tinha a sala de aula como plano B. Vindo de uma família de professores, após desistir de jornalismo, sua primeira opção de carreira, Glauco transformou seu plano B em plano A. Hoje ele leciona sociologia para o 1°, 2° e 3° anos do Ensino Médio, e diz que, apesar de se incomodar com a situação em que a educação vem sendo tratada no país, ele se sente otimista com os novos rumos a serem tomados. “Os países mais evoluídos investiram pesadamente em educação, inovação e tecnologia, enquanto aqui no Brasil o investimento sempre veio em conta gotas, com migalhas que fizeram com o que a profissão fosse também perdendo credito diante da sociedade de maneira geral”, ressalta o professor.

Leia mais

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.