SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

Aprenda a acumular milhas >FAZER O CURSO!
Quinta-feira, 29 de fevereiro de 2024
Geral

Luciano Hang comenta indiciamento na CPI da Covid-19

Empresário se manifestou em uma live logo após leitura do relatório final da CPI, na tarde desta quarta-feira (20)

Brusque - SC, 21/10/2021 12h32 | Atualizada em 21/10/2021 14h30 | Por: Redação | Fonte: Assessoria de Impensa
Foto: Agência Senado

O empresário Luciano Hang fez uma live em suas redes sociais para falar sobre o relatório final da CPI da Covid 19, apresentado na tarde desta quarta-feira (20). O nome dele aparece na lista de 66 pessoas indiciadas pelo agravamento da pandemia no Brasil.

Durante a live, Hang disse que não esperava um resultado diferente, pois se trata de uma CPI política amparada em narrativas, não em fatos e muito menos em provas. “Estão pedindo que eu seja indiciado sem ter cometido crime algum. Só no Brasil você é culpado até provar a inocência e não o contrário. Parece piada, mas é a realidade. Quero dizer a toda população que estou tranquilo e muito agradecido ao senador Renan Calheiros por ter me chamado”, salientou.

O empresário criticou  a atuação de alguns senadores, dizendo que durante os seis meses da CPI não houve qualquer investigação sobre o uso dos recursos destinados aos estados para os hospitais de campanha e a aquisição de respiradores. “Os senadores não querem ajudar ninguém e não estão a favor do povo. Usaram a CPI como palanque político, pensando nas eleições que se aproximam. Querem o poder pelo poder e para isso fazem qualquer coisa. Vale até falar da mãe dos outros. Mas o tiro saiu pela culatra”.

Hang frisou que a atuação da Comissão foi importante ferramenta para que os brasileiros vissem o quanto é preciso que haja mudanças no cenário político. “As pessoas precisam votar melhor, buscar representantes que pensem no bem coletivo e não somente em si próprios. Espero que a população esteja mais consciente de que o nosso país tem tudo para dar certo, mas para isso precisamos de representantes que queiram o desenvolvimento do Brasil.”

Por fim, sobre as acusações que a CPI atribuiu a Hang no relatório, novamente ele ressaltou que segue tranquilo, pois não há como provar algo que ele não fez. Ainda lembrou que não existe crime de opinião no Brasil. “Opinião cada um tem a sua, se eu vejo alguma informação de relevância, que pode ajudar as pessoas a refletirem e compartilho em minhas redes sociais, não há nada de errado nisso. Sobre o relatório final da CPI, tenho certeza que a verdade irá prevalecer. Quem não deve não teme”.

publicidade

A CPI

A CPI da Covid-19 realizou 67 reuniões, fez mais de 500 requerimentos e ouviu cerca de 30 pessoas nos últimos seis meses. Segundo o que foi dito pelo relator Renan Calheiros (MDB-AL) “O erro de estratégia custou caro ao país. Conforme estudo do Ipea recebido pela CPI, o Brasil registrou em 2020, em proporção a sua população total, mais mortes por covid-19 do que 89,3% dos demais 178 países com dados compilados pela OMS. Quando a comparação é ajustada à distribuição populacional por faixa etária e sexo em cada país, o resultado brasileiro se torna pior que os de 94,9% desses países”.

Saiba mais sobre o relatório final no link: 

https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2021/10/20/com-nove-crimes-atribuidos-a-bolsonaro-relatorio-da-cpi-e-oficialmente-apresentado 

 

Leia mais

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.