SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

Aprenda a acumular milhas >FAZER O CURSO!
Domingo, 25 de fevereiro de 2024
Meio Ambiente

"A beira-rio virou, praticamente, um lixão", diz moradora sobre lixo embaixo de pontes de Tubarão

Apesar da prefeitura estabelecer um cronograma de limpeza mensal, muitas pontes de Tubarão sofrem com o mesmo problema: descarte incorreto de lixo nas margens. Moradores reclamam da falta de cuidado

Tubarão, 08/11/2021 14h00 | Atualizada em 09/11/2021 07h25 | Por: Lara Silva | Fonte: Rádio Cidade Tubarão
Foto: Lara Silva/Rádio Cidade Tubarão

Sacolas de lixo, garrafas de plástico, embalagem de marmita, caixa de papelão e lâmpadas. Esses são apenas alguns dos itens que podem ser encontrados embaixo de pontes de Tubarão. Exemplo disso é a ponte Dilnei Chaves Cabral. Segundo o cronograma da prefeitura e gerência de Serviços Públicos, a limpeza acontece uma vez ao mês, podendo ser repetido com mais frequência, dependendo da demanda. No entanto, moradores percebem a quantidade de lixo diariamente. Dilma da Silva lamenta a falta de cuidado com o meio ambiente. "Poderiam ver uma forma de estar sempre limpando, porque é rio, né!? Estamos vendo em cidades maiores, que não têm mais rios saudáveis, que possam ter peixe. A beira-rio virou, praticamente, um lixão. Eles têm que fazer um programa e campanhas, para incentivar a população", diz.

Para ela, a solução é a conscientização, começando com as crianças. "Existem tantas lixeiras em toda a cidade, então vai muito da consciência de cada um. Se ensinamos nossos filhos, não vamos querer ver um ambiente cheio de lixo. Essa quantidade de lixo pode causar enchente, entupir boeiros, então é a gente que perde, a nossa saúde que perde", lamenta.

publicidade

Já tendo solicitado até para o próprio prefeito, Célio Benedete diz que a limpeza não apenas do Rio, mas de todo o seu entorno, tem que ser prioridade da cidade. "Isso é ridículo, está uma vergonha. A água que tomamos banho, por exemplo, vem daqui. Eu sou um deles. O problema já vem de gestões passadas. Todo mundo tem que cobrar, prefeito, vereadores. A limpeza nas duas barrancas vai ficar ótimo, já está merecendo há mais de décadas. Já foi feito, nas antigas, mas agora... A gente morre e fica. Está à mercê", admite.

 

 

Leia mais

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.