SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

A concorrência cresce no digital e sua empresa não tem presença online?EVOLUA!
Quinta-feira, 07 de julho de 2022
Política

Aliado de Ciro apresenta PL que obriga presidenciáveis a participar de debates

A proposta implica que a obrigatoriedade incida somente sobre candidatos com mais de 3% das intenções de voto em pesquisas registradas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Brasil, 23/05/2022 12h02 | Por: Lucas Marques | Fonte: ESTADÃO Conteúdo
Foto: Câmara dos Deputados

O deputado federal David Miranda (PDT-RJ) protocolou um projeto de lei (PL) para obrigar que candidatos à Presidência e aos governos estaduais participem de ao menos três debates promovidos pela imprensa durante a campanha eleitoral.

A proposta de Miranda implica que a obrigatoriedade incida somente sobre candidatos com mais de 3% das intenções de voto em pesquisas registradas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Como punição pelo descumprimento, o projeto sugere multa de R$ 50 mil a R$ 150 mil e interdição dos recursos do fundo partidário por um ano.

publicidade

Mas como as regras para a eleição deste ano já estão definidas no código eleitoral e em resoluções do TSE, o projeto, se aprovado, só teria efeito no pleito de 2026.

Em 2018, o então candidato à Presidência Jair Bolsonaro alegou que sua ausência nos debates foi motivada pela facada recebida em setembro daquele ano. Depois, admitiu que não iria debater com o candidato do PT, Fernando Haddad, por "estratégia". Naquela campanha, ele participou de apenas dois debates.

Em 2022, ainda é incerto se os dois candidatos que lideram as pesquisas participarão dos debates eleitorais. Bolsonaro disse que pretende ir a todos os eventos do tipo na eleição, mas sua presença não foi confirmada junto aos veículos de comunicação que se preparam para realizar os encontros.

Já a campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) avalia que, ao menos na discussão pública, o pré-candidato petista não deve responder às investidas do presidente em alguns temas. O pré-candidato do PDT, Ciro Gomes, por outro lado, já deu declarações que quer debater com os adversários.

Em setembro, um pool de empresas jornalísticas formado por Estadão, SBT, revista Veja e rádio NovaBrasil FM vai promover debates para o governo paulista, no dia 17, e para a Presidência da República, no dia 24. Em caso de segundo turno, as datas previstas são 15 de outubro (para o governador) e 24 de outubro (para a Presidência)

Confira todas as datas de debates promovidos pela imprensa

Primeiro turno

- 06 de agosto: CNN.

- 09 de agosto: Jovem Pan.

- 14 de agosto: Band.

- 02 de setembro: RedeTV.

- 08 de setembro: O Globo, Valor e CBN.

- 13 de setembro: TV Aparecida.

- 22 de setembro: Folha de S.Paulo e UOL.

- 24 de setembro: SBT, Estadão, Veja e Rádio NovaBrasil FM.

- 29 de setembro: TV Globo.

Segundo turno

- 03 de outubro: CNN.

- 06 de outubro: Band.

- 11 de outubro: Jovem Pan.

- 24 de outubro: SBT, Estadão, Veja e Rádio NovaBrasil FM.

- 28 de outubro: TV Globo.

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.