SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

Aprenda a acumular milhas >FAZER O CURSO!
Domingo, 25 de fevereiro de 2024
Saúde

Identificação preliminar de dois casos da variante ômicron no Brasil é informada pela Anvisa

Diante dos resultados positivos, o laboratório Albert Einstein adotou a iniciativa de realizar o sequenciamento genético das amostras para a confirmação.

30/11/2021 17h47 | Atualizada em 30/11/2021 19h10 | Por: Beatriz Godoy Taveira | Fonte: Anvisa
Foto: Pexels

Dois brasileiros que, preliminarmente, apresentaram resultado laboratorial positivo para a variante ômicron do Sars-Cov-2, após testagem realizada pelo laboratório Albert Einstein, terão amostras enviadas para análise laboratorial confirmatória.

Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a testagem é necessária já que um passageiro vindo da África do Sul, que desembarcou em Guarulhos no dia 23 de novembro com resultado negativo para Covid-19, ao se preparar para a viagem de regresso à África do Sul, procurou o laboratório do aeroporto no dia 25 de novembro para realizar o teste, junto com sua esposa e ambos testaram positivo.

Diante dos resultados positivos, o laboratório Albert Einstein adotou a iniciativa de realizar o sequenciamento genético das amostras, notificando a Anvisa sobre os resultados nesta terça-feira (30). De acordo com os protocolos nacionais, o material deve ser enviado ao Instituto Adolfo Lutz (IAL) para fins de confirmação do sequenciamento genético.

publicidade

Além da Anvisa, o Ministério da Saúde e as Secretarias de Saúde estadual e municipal de São Paulo também foram notificados sobre o evento para a adoção das medidas de saúde pública pertinentes.

Agora, Ministério da Saúde deve monitorar casos de acordo com o sistema de vigilância vigente no Brasil, para avaliação das condições de saúde e direcionamento dos indivíduos aos serviços de atenção à saúde, bem como para adoção das medidas de prevenção e controle da Covid-19.

A Agência ressalta que a entrada do passageiro no Brasil ocorreu no dia 23/11, ou seja, antes da notificação mundial sobre a identificação da nova variante, que foi relatada pela primeira vez à Organização Mundial de Saúde (OMS) pela África do Sul no dia 24 de novembro.

A entrada também foi anterior à edição da Portaria Interministerial CC-PR/MS/MJSP/MINFRA n° 660, de 27 de novembro de 2021, que proibiu, em caráter temporário, voos com destino ao Brasil que tenham origem ou passagem pela República da África do Sul e que também suspendeu, em caráter temporário, a autorização de embarque para o Brasil de viajantes estrangeiros, procedentes ou com passagem, nos últimos 14 dias antes do embarque, por esse país.

 

 

Leia mais

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.