Segunda-feira, 24 de junho de 2024
Saúde

Zolpidem agora requer receita de tarja preta; Medicamento pode causar alucinação

Novas regras da ANVISA visam combater uso irregular e abusivo

Florianópolis - SC, 18/05/2024 07h30 | Por: Tiago Damos
Foto: Divulgação/SC Todo Dia

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) intensificou o controle sobre o zolpidem, remédio popular para insônia, agora classificado como tarja preta. A medida, em vigor desde 1º de dezembro, tem o objetivo de conter o uso inadequado, especialmente entre jovens em busca de experiências psicotrópicas.

A decisão da Anvisa impõe restrições mais rígidas à prescrição e venda do medicamento, exigindo receita tipo B (azul) emitida por profissionais cadastrados na vigilância sanitária local. A mudança, elogiada por entidades médicas, busca conter o uso abusivo e os crescentes eventos adversos associados ao zolpidem.

Agora, medicamentos contendo zolpidem devem ser embalados com tarja preta, reforçando a necessidade de prescrição médica para a compra. A medida pretende promover um uso mais responsável do medicamento e prevenir problemas de saúde decorrentes do uso indevido.

publicidade

Leia mais

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.