SCTODODIA - Ligados em tudo

Escolha a sua região:

Domingo, 05 de dezembro de 2021
Segurança

PM deflagra Operação Alta Tensão IV em municípios do litoral

Mais de 35 estabelecimentos que trabalham com reciclagem e sucata foram vistoriados: o objetivo é inibir o furto e a venda ilegal de fios de cobre.

Balneário Camboriú - SC, 29/09/2021 13h00 | Por: Daiana Brocardo | Fonte: 12º BPM
Imagem: divulgação

Mais de 35 estabelecimentos que trabalham com reciclagem foram vistoriados durante a quarta edição da Operação Alta Tensão, realizada nesta quarta-feira (29), nas cidades que fazem parte do 12º Batalhão da Polícia Militar. O objetivo é inibir o furto e a venda ilegal de fios de cobre, um problema social constante na região do litoral. Segundo o Comandante do 12° BPM, Tem. Cel. Daniel Nunes, geralmente esses furtos são praticados por usuários de drogas. “Enquanto houver receptadores, haverá o furto e roubo. Porém, cumpre destacar que, desde da primeira edição, houve significativa queda nas ocorrências relacionadas à esses delitos. Por isso, ações como essas serão rotineiramente realizadas, até alcançarmos nosso objetivo.”

publicidade

A Operação contou com a participação do Batalhão de Aviação da Polícia Militar, Pelotão de Patrulhamento Tático, Canil Setorial, Polícia Civil, Guarda Municipal, Vigilância Sanitária, Fiscais de Postura e Agentes da Abordagem Social, além de outros órgãos municipais. Dos 37 estabelecimentos vistoriados em Balneário Camboriú, Camboriú, Itapema, Porto Belo, Bombinhas, Tijucas, Canelinha, Nova Trento e São João Batista; dois foram embargados por falta de alvará de funcionamento, mas cidades de Camboriú e Balneário Camboriú. Em nenhum deles foi encontrado indícios de fios de cobre ilegais.

OUÇA NOSSAS RÁDIOS

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
48 3045.5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.