Segunda-feira, 24 de junho de 2024
Segurança

Prejuízo na Top Brasil passa dos R$ 15 milhões após incêndio

Novo local para reabrir a loja já é estudado.

Tubarão, 30/05/2024 11h46 | Por: Matheus Machado
Foto: Rádio Cidade

O prejuízo estimado pela Top Brasil após o incêndio que destruiu completamente a loja de Tubarão durante a última semana, está avaliado em R$ 15 milhões de reais até o momento, valor que pode ser ainda maior até o fim das investigações.

O portal SCTodoDia levantou a estimativa com exclusividade e segundo Janaina Vitorassi, Supervisora da loja Top Brasil de Tubarão, o valor do prejuízo deve ser ainda maior. "A princípio temos uma estimativa inicial de R$ 15 milhões de prejuízo, mas que provavelmente depois de apurado, acreditamos ser bem maior", destacou a profissional.

O estabelecimento empregava cerca de 150 colaboradores e de acordo com a supervisora, um novo local para reabrir a loja o quanto antes é estudado. "Assim que tivermos um local definido, estaremos informando nas redes sociais, bem como em outros meios de comunicação", confirma Janaina.

A loja ainda está amparada pela legislação tributária municipal e portanto, está isenta do pagamento do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) de 2025. Isto porque, os imóveis localizados em áreas de risco, interditados pela Defesa Civil, ficam isentos da taxa. O secretário da Fazenda de Tubarão, Romilton Nunes, alega que o incêndio foi posteriormente a data de vencimento do IPTU de 2024, e por este motivo, a isenção valerá apenas para o próximo ano.

O laudo pericial sobre o ocorrido deve ficar pronto em duas semanas, de acordo com o Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC).

publicidade

Leia mais

SCTODODIA - Ligados em tudo Grupo Catarinense de Rádios
Alfredo Del Priori, 430 Centro | Criciúma - SC | CEP: 88801630
(48) 3045-5144
SCTODODIA - Ligados em tudo © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.